Horário de Atendimento : Seg. a Sex.: 7h - 12h e 13 - 18h. Sáb.: 8h - 12h
  Contato : (54) 3011-0092

Archive for julho 2018

Por que a ultrassonografia é um dos exames mais importantes durante a gestação?

A gestação é um período de muita expectativa e ansiedade por parte dos pais. E é preciso ter alguns cuidados, um deles é com a saúde do bebê, muitos exames serão feitos no pré-natal e um deles é a ultrassonografia. Ele é um dos exames mais importantes que devem ser feitos durante a gestação, por isso nessa leitura vamos falar um pouco mais dele, qual a sua função, como o objetivo dele muda em cada período da gestação, quais problemas podem ser evitados quando ele é feito corretamente e qual a diferença de cada tipo de ultrassom. Continue lendo a seguir.

ultrassonografia

Como funciona o ultrassom?

Pais e mães aguardam ansiosamente para ver o seu bebê, isso sem contar com a expectativa de saber o sexo da criança. Por mais que seja um momento emocionante para a família, é fundamental lembrar que a ultrassonografia tem o objetivo principal saber se a saúde do bebê está normal.

O ultrassom emite ondas sonoras que se chocam com a parte solida do que vê pela frente, formando imagens. Esse exame é inofensivo para a mãe e para o bebê, não há com o que se preocupar. Para facilitar, é passado um gel na barriga da mãe antes de começar o exame.

 

Qual a importância da ultrassonografia na gravidez?

ultrassonografia é normalmente aconselhável ser feito no princípio da gravidez, por duas razões: Para saber se é uma gravidez ectópica, que é quando o óvulo fertilizado se prende ao revestimento do útero, fazendo com que o mesmo fique fora do útero. Ou para saber quanto tempo tem a gestação e a quantidade de fetos.

Após o período inicial, o ultrassom é feito para acompanhar o desenvolvimento do feto. Saúde da placenta e saber se está tudo conforme deveria até aquela idade gestacional. É preciso entender que o ultrassom feito antes da hora, pode não detectar a gravidez e provocar preocupações para a gestação.

 

Periodicidade do ultrassom

O ultrassom não é um exame feito apenas uma vez na gestação, ele vai ser feito em períodos diferentes com objetivos diferentes, vamos entender um pouco mais de cada período agora.

 

Ultrassom entre 5 a 8 semanas

Nesse período, o ultrassom verifica a quantidade de embriões, localização da gravidez e tempo da gestação. A primeira ultrassonografia geralmente é feita via transvaginal, para obter melhor visualização, porque nesse período o feto mede em torno de cinco milímetros. Por vezes, é necessária uma complementação com o ultrassom abdominal. Isso é feito pela posição do útero, que interfere na qualidade da imagem.

Nesse primeiro ultrassom verifica-se a quantidade de bebês na barriga da mãe e se eles estão se desenvolvendo. A partir da 6° semana, já é possível ouvir o coração, em alguns casos, acontece do profissional que está fazendo o exame e não conseguir ouvir os batimento cardíacos, o que pode indicar que a mulher está gravida há menos tempo que imagina, e que precisará repetir o exame dentro de 7 dias.

 

Ultrassom entre 11 a 14 semanas

O segundo ultrassom é chamado de morfológico do primeiro trimestre. Esse ultrassom é feito de forma mais detalhada, que analisa a formação dos órgãos e de toda a estrutura do feto. Nela, é feita a translucência nucal, quando os médicos medem o espaço na região do pescoço, que podem determinar problemas cromossômicos, como a síndrome de down. O resultado do exame, junto com dados, como a idade da mãe e antecedentes de doenças genéticas na família para calcular a porcentagem de risco de doenças cromossômicas.

O sexo do bebê só pode ser determinado com segurança a parte da 16° semana. Por isso é normal que as mães realizem mais um exame nesse período.

 

Ultrassom entre 20 a 24 semanas

No ultrassom morfológico do segundo trimestre, é feita uma avaliação ainda mais completa do bebê. É possível identificar a existência de eventuais más-formações, 80% desses distúrbios podem ser identificados com esse exame.

Uma complementação desse exame é feita de forma transvaginal, para medir com exatidão o colo do útero. Deste modo, você consegue avaliar o risco do parto ser entre a 26° e 30° semana, que é o período mais preocupante de antecipação de gestação.

 

Ultrassom entre 28 e 32 semanas

Esse último ultrassom é chamado de obstétrico e o seu objetivo é saber o crescimento do bebê. Ele também descarta algum diagnostico tardio. Nesse exame final, a placenta recebe atenção especial, pois avalia-se com mais detalhe a circulação de sague por meio dela. A partir da 26° semana, espera-se que a placenta já esteja em sua posição definitiva, afastada do colo do útero, que é por onde o bebe vai sair. Quando ela está obstruindo esse orifício, é chamada de placenta prévia, o que pode impedir o parto normal e ser um fator de risco por eventuais sangramentos.

 

Quais os tipos de ultrassom podem ser realizados

Dependendo da necessidade existem diferentes tipos de ultrassom, como já vimos nesse texto. Assim, os diferentes tipos de ultrassons transmitem informações diferentes dependendo do tempo de gestação.

 

Ultrassom intravaginal

Ele deve ser feito no inicio da gestação, até as 11 semanas, algumas vezes serve para confirmar a gravidez no lugar do exame de sangue.

Ultrassom Morfológico

Esse ultrassom possui imagens mais detalhadas que o primeiro, avalia o crescimento do bebê e desenvolvimento dos seus órgãos.

Ultrassom em 3D

Tem imagens ainda melhores que o Ultrassom Morfológico por transmitir imagens em 3D. Com esse tipo de imagem, facilita a análise de possíveis más-formações no bebê, já sendo possível também ver detalhes no rosto.

Ultrassom em 4D

Esse é o ultrassom mais avançado atualmente, ele combina a imagem no 3D com os movimentos do bebê em tempo real. Dessa forma, conseguimos ver a melhor analise possível do bebê de dentro da barriga da mãe.

 

O ultrassom é um exame famoso há bastante tempo, mas nesse artigo você conseguiu ver a importância valiosa que ele tem na gestação. Nós possuímos equipamentos avançados para poder te entregar o melhor diagnostico possível. Marque aqui os comentários aquela mãe que vai fazer o seu ultrassom em breve, será um prazer recebê-la!

Mais Informações