Horário de Atendimento : Seg. a Sex.: 7h - 12h e 13 - 18h. Sáb.: 8h - 12h
  Contato : (54) 3011-0092 e WhatsApp (54) 99194-0757

Archive for janeiro 2020

Verità_Saúde_Cardiovascular_crianças

Saúde das Crianças: Cuidados importantes com o Coração dos Pequenos

Os cuidados com a saúde das crianças começam ainda durante a gestação, é nessa fase que precisam ser realizados os primeiros exames, pois é quando o organismo do bebê começa a se preparar para a vida fora da barriga da mãe.

A saúde deles é prioridade na vida dos pais e muitas patologias podem ser evitadas ou diagnosticadas no primeiro trimestre da gravidez. Quanto mais cedo o diagnóstico for realizado, melhor para a realização dos tratamentos adequados.

Nesse artigo, trazemos informações importantes sobre a saúde do coração dos pequenos que todos os papais e mamães precisam saber. Confira a seguir!

 

Saúde cardiovascular das crianças

Quando uma mãe inicia os exames de pré-natal é preciso informar a história clínica dela e do pai, com o intuito de identificar e tratar possíveis doenças prévias que podem afetar a saúde e o desenvolvimento do bebê.

Existindo casos no histórico familiar, principalmente se o parentesco for de primeiro grau, as cardiopatias congênitas podem ser desenvolvidas mais facilmente. Outros fatores importantes também podem estar associados ao aumento do risco destas condições, como: mães com mais de 35 anos, históricos de outros filhos cardiopatas, mães que apresentaram toxoplasmose, rubéola ou aquelas que fizeram uso de anticonvulsivos, anti-inflamatórios, ácido retinóico e lítio durante a gravidez.

Mesmo que o diagnóstico não tenha sido realizado durante a gestação, é possível identificar as doenças do coração nos recém-nascidos, na infância ou na adolescência.

Nas crianças maiores, a cardiopatia pode ser assintomática ou se manifestar através de sopro cardíaco, associado ou não a outro quadro clínico.
Aliás, as crianças precisam ser acompanhadas de perto, pois o surgimento de doenças cardiovasculares nelas tem aumentado muito nos últimos anos.

Mas é possível evitar que essa turminha seja candidata a esses problemas no futuro. Para isso, é preciso orientar melhor o cardápio e colocar os meninos e meninas para praticarem atividades físicas.

Crianças saudáveis se tornam adultos também saudáveis!

 

Formas de diagnóstico

O Ultrassom e o Ecocardiograma Fetal têm sido exames super importantes para o diagnóstico precoce de cardiopatias antes mesmo do nascimento da criança. São métodos não invasivos, mas ainda deixam muitas dúvidas, em especial o Ecocardiograma Fetal. Muitas mães têm receio de realizar este exame, pois temem que ele possa causar alguma dor para ela ou para o bebê, mas não há razões para se preocupar!

O Ecocardiograma Fetal é um exame de imagem que utiliza ondas sonoras de alta frequência para avaliar a saúde do coração do bebê ainda no útero materno. Ele também revela detalhes sobre o seu funcionamento, como a velocidade do fluxo sanguíneo dentro das cavidades do músculo cardíaco.
O exame não oferece risco para a gestante ou para a criança, pois, ao contrário do que se pensa, não é um procedimento invasivo, leva em torno de 30 minutos apenas, é realizado por um aparelho semelhante ao de um ultrassom convencional e traz os benefícios do diagnóstico precoce para um tratamento eficaz.
Sua realização na fase pré-natal é muito recomendada pela Sociedade Brasileira de Cardiologia, isso porque outros exames não possibilitam o diagnóstico de cardiopatias congênitas.

Mas se o exame não foi realizado durante a gestação é importante saber que também é possível identificar alterações nos pequenos durante as atividades do dia a dia.
Nos bebês, por exemplo, conseguimos observar se durante a amamentação há um cansaço excessivo e transpiração, dificuldade no ganho de peso, irritação frequente e surgimento de cianose, que é caracterizada pela ponta dos dedos e/ou lábios arroxeados. Em crianças maiores o cansaço pode ser notado durante as atividades físicas ou, até mesmo, na dificuldade de acompanhar os outros coleguinhas  nas brincadeiras, o crescimento e ganho de peso de forma inadequada também devem ser observados nessa fase.

Se esses sintomas forem notados, o pediatra fará uma avaliação física na criança e irá solicitar um check-up incluindo o exame de Ecocardiograma Pediátrico. Assim como no Ecofetal, o Eco Pediátrico não é invasivo e é fundamental na abordagem diagnóstica dos pacientes com cardiopatia congênita, pois, o exame fornece informações da anatomia e da função cardíaca com precisão.

 

Tratamentos e cuidados

A verdade é que os cuidados com os filhos começam muito antes do nascimento e vão além da vida adulta e é um dever dos pais zelar pela saúde das crianças. Seguindo o tratamento apropriado, mesmo os casos mais complexos podem atingir bons resultados com a ajuda de um profissional.

Algumas cardiopatias nem precisam de tratamento, outras podem ser tratadas de forma eficaz com os procedimentos determinados pelo médico especialista. Daí vem a importância das consultas periódicas e da realização dos exames solicitados.

Aproveite e agende hoje mesmo o Ecocardiograma Fetal e o Pediátrico aqui na Verità. Medidas simples podem evitar ou amenizar grande parte dos problemas cardíacos se diagnosticados logo no início.

Cuidar de si mesmo e de quem você ama faz muito bem para a saúde!

 

 

 

Mais Informações
BLOG_VERITÀ_5ATITUDES_VIDA_SAUDÁVEL

5 Atitudes Saudáveis para manter nesse Novo Ano

Todo começo de ano fazemos um balanço sobre o ano que passou, não é mesmo? Essas reflexões nos fazem olhar para o que conquistamos ou mesmo perceber que nem tudo o que foi planejado conseguiu ser realizado. Nestes casos, uma atitude saudável para encarar o objetivo não alcançado com leveza é: manter o bom humor.

Ter a saúde mental em equilíbrio é fundamental para o nosso bem-estar, por isso, para conquistar seus propósitos no ano que está começando, temos uma dica: crie listas de resoluções! A ideia pode parecer muito simples, mas isso pode colaborar bastante nesta jornada. E lembre-se de adicionar sua saúde como item na lista de objetivos, ela é fundamental para que você alcance todas as suas outras realizações. Confira abaixo!

 

1 – Cuide de sua Alimentação

Já foi comprovado que aliar uma alimentação balanceada com a prática de atividades físicas ajuda a combater doenças do corpo e da mente. Por isso, é muito importante cuidar de sua alimentação fazendo escolhas saudáveis:

– Escolha sempre os alimentos in natura ou, se possível, pouco processados;
– Utilize gorduras, óleos, sal e açúcar em poucas quantidades;
– Arrisque-se na cozinha, coloque a mão na massa, aprenda e compartilhe receitas. Isso fará com que você tenha mais prazer em consumir os alimentos;
– Planeje seu tempo. Tente preparar as refeições em casa, distribua as responsabilidades com quem você vive, afinal, alimentar-se bem é tarefa de todos;
– Quando for comer fora, prefira locais que preparam a comida na hora.

Essas orientações também podem ser encontradas no Guia Alimentar para a População Brasileira, criado pelo Ministério da Saúde em parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e a Universidade de São Paulo (USP), que apresenta passos simples para uma alimentação saudável, além de oferecer sugestões de refeições que respeitam as diferenças regionais e de fácil acesso para os brasileiros.

Inclua os cuidados com a alimentação em sua lista, você vai notar os benefícios!

 

2 – Reduza o Consumo de Álcool

Todos sabemos que o consumo de bebidas alcoólicas podem ser prejudiciais à saúde, mas muitas pessoas ainda não sabem exatamente quais são os riscos que elas trazem para o nosso organismo. É identificado que o consumo em excesso está relacionado a mais de 60 doenças, como gastrite, cirrose hepática, infartos e trombose, que são danos de curto a longo prazo.

Vale observar que ingerir bebidas alcoólicas não é proibido, desde que não se perca o controle. A orientação médica é que o limite de consumo para os homens seja de duas latinhas de cerveja, dois copos de vinho ou duas doses de bebida destilada, já para as mulheres o limite é a metade dessas doses.

Portanto, considere também em sua lista de resoluções para o ano a redução da ingestão das bebidas alcoólicas, isso fará muito bem para sua saúde!

 

3 –  Pare de Fumar

Fumar definitivamente não faz bem para a saúde nem de quem fuma, nem de quem está próximo ao fumante. O tabagismo está ligado ao surgimento de diversas doenças cardiovasculares, aos vários tipos de cânceres e às doenças respiratórias.

Se um dos seus objetivos neste ano é parar de fumar, comece diminuindo seus cigarros gradualmente e defina uma data em que irá parar. Fazer esse planejamento sobre a quantidade de cigarros que você consumirá por dia até a data escolhida e ir diminuindo o número diário de cigarros é o ideal para conseguir parar de vez!

E o que você ganha para sua saúde ao ficar sem fumar? De acordo com um levantamento realizado pelo INCA (Instituto Nacional de Câncer):
– Por 20 minutos: a pressão sanguínea e a pulsação voltam ao normal;
– Por 2 horas: não haverá mais nicotina circulando em seu sangue;
– Por 8 horas: o nível de oxigênio no seu sangue se normaliza;
– Por 2 dias: seu paladar volta a ter sensibilidade;
– Por 3 semanas: sua respiração e circulação sanguínea melhoram;
– Por 5 a 10 anos: o risco de sofrer infarto diminui completamente.

Motivos não faltam para começar o ano sem cigarros, não é mesmo? Acrescente mais esse item essencial em sua lista!

 

4 – Cuide também da sua Saúde Mental

Muitas vezes deixamos a nossa saúde mental por último, mas para alcançar qualquer meta planejada na lista é importante estar com o nosso psicológico em dia.  

Lembra daquele antigo ditado “Mente sã, corpo são”? Cuide do seu corpo, alimente-se bem, sem exageros de doces, gorduras ou sal e mantenha uma frequência regular de exercícios físicos. É comprovado cientificamente que aliar uma alimentação equilibrada com a prática de atividades físicas contribui também para o nosso emocional.

Outra medida importante para cuidar da saúde mental é ter uma boa noite de sono. Dormir bem é fundamental para o bom funcionamento do corpo, em especial, do cérebro, melhorando a nossa disposição.

Estamos em meio ao Janeiro Branco, a campanha que traz conscientização e faz um alerta importante sobre a saúde mental. Busque a prevenção realizando mudanças no estilo de vida. E aproveite o novo ano para evitar os esgotamentos psicológicos. Cuide bem de você mesmo!

 

5 – Torne-se um Doador

Sabia que uma pessoa adulta tem em média cinco litros de sangue e em uma doação são coletados no máximo 450ml? Ou seja, o pouco para cada um de nós é muito para quem precisa. Além disso, apenas uma doação de sangue pode beneficiar até 4 pessoas.

É importante falar também sobre a doação de órgãos. Muitas vezes, o transplante pode ser a única esperança ou a oportunidade de um recomeço para pessoas que esperam por um novo órgão. Avise para os seus familiares sobre o seu desejo de ajudar e salve uma ou mais vidas.

Outro tipo de doação muito importante, mas que ainda gera muitas dúvidas entre as pessoas, é a de medula óssea. Ela pode ajudar diversas pessoas que apresentam doenças relacionadas à produção de células sanguíneas ou com problemas em seu sistema imunológico, como leucemias, linfomas, anemias graves e doenças originadas no sistema imune em geral.

As doações ocorrem através da coleta das células-tronco e existem duas maneiras de obter estas células: pela coleta de medula óssea, neste procedimento as células são coletadas através de punções na região pélvica posterior (osso do quadril) e deve ser feito em um centro cirúrgico; a outra forma é a doação por aférese, nesta doação as células são coletadas diretamente da corrente sanguínea através de uma máquina coletora que separa os componentes do sangue por centrifugação, permitindo a coleta seletiva de um ou mais de seus componentes.

Se você já é um doador, continue. Se você nunca doou, coloque este ato altruístico em sua lista de atitudes do ano e lembre-se que sempre existe alguém precisando.
Essas ações farão bem para você e também para as outras pessoas!

 

Depois de ler nossas sugestões, a dica é: sente-se e escreva a sua própria lista, adaptando e incluindo itens de acordo com a sua personalidade.
E não se esqueça que cuidar da sua saúde é fundamental para atingir os objetivos no decorrer ano. Agende suas consultas periódicas com o seu médico, faça check-ups e realize seus exames de imagem com a gente.

Atitudes como essa vão ajudar a garantir que seu ano seja novo de verdade e que seus objetivos sejam conquistados. Feliz ano saudável!

 

Mais Informações
1
Olá, podemos ajudar? Fale conosco por WhatsApp agora
Powered by